Prisão de Ventre

A prisão de ventre é um distúrbio presente nas vidas de muitas pessoas. Portanto, conheça tudo sobre ela para saber agir de modo correto.

Artigo publicado por Aline Silveira nas categorias: Bem Estar

A prisão de ventre, ou constipação, é um dos problemas mais comuns entre as mulheres e suas causas são diversas, desde o estresse excessivo até doenças mais graves como o câncer colorretal. Portanto, conheça um pouco melhor sobre a prisão de ventre, sabendo como tratá-la e preveni-la, afinal, o intestino é um dos nossos órgãos mais importantes para o bom funcionamento do organismo como um todo.

O Que é a Prisão de Ventre

Também conhecida popularmente como intestino preso e, cientificamente, como constipação ou obstipação intestinal, a prisão de ventre é um distúrbio que tem como característica a dificuldade para evacuar.

No entanto, para que uma pessoa possa ser diagnosticada com prisão de ventre, é necessário que ela evacue, no máximo, 2 vezes por semana, que tenha que fazer muita força para evacuar ou que esses momentos sejam pouco produtivos.

Quem mais sofre de constipação, de acordo com dados médicos, são as mulheres, principalmente quando estão grávidas, os idosos e as crianças.

O Que Provoca a Prisão de Ventre

Existem vários motivos para que a prisão de ventre aconteça. O principal deles é a má alimentação, que é pobre em alimentos fibrosos e rica em alimentos industrializados e proteínas animais. Além disso, ingerir pouco líquido também faz com que o intestino fique preso.

Como acabar com a Prisão de Ventre?

A falta de atividades físicas torna o intestino preguiçoso, pois quando nos movimentamos, ele se mexe junto, levando todo o bolo fecal para fora.

Situações psicológicas como o estresse, a ansiedade e a depressão são outras causadoras da constipação porque a mente é capaz de interferir no bom funcionamento de todos os órgãos. Alguns medicamentos podem ser responsáveis por essa condição, assim como alterações neurológicas do metabolismo.

Por fim, a prisão de ventre pode estar associada a patologias como hemorróidas, câncer colorretal, diverticulose e fissuras anais.

Sintomas Comuns da Prisão de Ventre

Para saber quando é necessário procurar um médico por desconfianças quanto à prisão de ventre, verifique se você sente um dos sintomas enumerados a seguir:

Prisão de ventre

  • Poucas evacuações durante a semana;
  • Muita dificuldade em evacuar porque as fezes se encontram ressecadas, pouco volumosas e duras demais;
  • Sensação de não ter conseguido eliminar todas as fezes do organismo;
  • Distensão;
  • Gases;
  • Inchaço abdominal;
  • Distúrbios digestivos;
  • Desconforto.

Tratamento: 6 Dicas para Combater a Prisão de Ventre

  1. Alimentação: Em primeiro lugar, cuide da sua alimentação, ingerindo frutas, legumes, verduras e grãos ricos em fibras e ingira no mínimo, 2 litros de água por dia. Caso contrário, essa alimentação fará o efeito contrário, prendendo ainda mais o seu intestino.
  2. Exercícios: Pratique atividades físicas regulares, nem que seja uma caminhada de 20 minutos por dia. Com isso, seu intestino se movimentará com mais facilidade, ajudando a evacuação.
  3. Estilo de Vida: Tente manter o estresse, a ansiedade e a depressão longe de sua vida. Para tanto, pratique os seus hobbies favoritos, faça meditação ou ioga. Assim, você cuidará de sua saúde como um todo.
  4. Suplementos: Existem suplementos alimentares específicos para equilibrar o funcionamento do organismos. O Centrum e o X-Daily One são exemplos de multivitamínicos que aceleram o metabolismo e equilibram as funções fisiológicas do corpo.
  5. Acompanhamento Médico: Em casos mais graves, médicos recomendam o uso de supositórios ou enemas, que são lavagens intestinais para que a evacuação seja mais fácil. A utilização de laxantes só deve ser realizada com a indicação médica, já que pode causar efeitos adversos em determinadas pessoas.
  6. Cirurgia: E somente em último caso, o médico recorre à cirurgia para que o fecaloma endurecido seja retirado.

Curtiram as dicas? Deixem seus comentários com mais dicas!

Aline Silveira

Autora

Aline Silveira dedicou sua vida a pesquisar sobre saúde e bem estar e conquistou seu manequim 36 após lidar com depressão e atingir o manequim 44.






Comente!




*Campos obrigatórios