Ginástica Funcional

A ginástica funcional é a maneira mais simples e fácil para perder peso, pois usa movimentos do cotidiano para queimar as calorias indesejadas.

Artigo publicado por Aline Silveira nas categorias: Exercícios

Os adeptos da ginástica funcional têm aumentado a cada dia graças aos resultados positivos que vêm surgindo. Ela usa movimentos do cotidiano para dar equilíbrio, força, velocidade, coordenação, flexibilidade e resistência aos seus praticantes, além de fazer com que percam aqueles quilinhos indesejáveis. Gostou? Então conheça melhor a ginástica funcional para começar a praticá-la agora mesmo!

Benefícios do Treinamento Funcional

A ginástica funcional provê inúmeros benefícios aos seus adeptos, que já podem senti-los após o primeiro treino. Com o uso de ações do dia-a-dia como agachar para varrer embaixo da cama ou para encerar o chão, pendurar um quadro na parede, dar banho no cachorro ou até carregar um bebê são simuladas no treinamento funcional. Você pode nem imaginar, mas esses exercícios mexem com vários músculos ao mesmo tempo e, se forem feitos repetidamente, melhoram o seu condicionamento e, consequentemente, ajudam na perda de peso.

Quando movemos com mais frequência as nossas fibras musculares, há um aumento dos batimentos cardíacos, o que leva à elevação da queima de calorias. Assim, o metabolismo se mantém acelerado mesmo após o término do treino.

Ginástica Funcional

Ela é também de grande importância para os atletas, que a utilizam para ganhar equilíbrio, força e agilidade nos movimentos. Então, os jogadores de basquete, por exemplo, recebem empurrões na hora de jogar a bola à cesta para conseguirem se equilibrar em um dia de jogo comum. Por outro lado, os jogadores de futebol usam essa ginástica para ganharem agilidade na hora do drible e força na hora do chute.

Os idosos podem fazer a ginástica funcional sem medo, pois ela contribui para que os seus movimentos sejam mais coordenados e ágeis, principalmente naqueles que desenvolvem doenças como o Mal de Parkinson e o de Alzheimer.

Sendo assim, a ginástica funcional veio para ficar porque pode ser realizada por quaisquer pessoas e em quaisquer lugares. Basta ter disciplina e disposição para começar. E se o seu objetivo for emagrecer com ela, não se esqueça de manter uma alimentação saudável e balanceada.

Conheça mais sobre a ginástica funcional em uma reportágem feita pela TV Minha Vida:

Exercícios

Para fazer o treinamento funcional, você precisará de alguns equipamentos facilmente encontrados em lojas esportivas: 1 rolo de espuma, 1 colchonete, 1 fit ball, 1 halter de 4 kg, 1 Medicine Ball de 2 ou 3 quilos e 1 TRX (correia com empunhaduras).

Para começar, faça o movimento denominado “Terra Sumo”, que imita os lutadores japoneses para fazer uma ginástica localizada nas coxas, glúteos e abdome. Você precisará apenas do halter para realizá-lo. Comece-o mantendo as costas eretas, as pernas afastadas e os pés apontando para a frente em diagonal. Coloque as mãos para a frente, segurando o halter com ambas as mãos e os braços retos. Então agache até que suas coxas fiquem paralelas ao chão, dobrando os joelhos em um ângulo de 90º. Faça 3 séries de 12 agachadas com intervalos de 45 segundos.

O segundo exercício funcional trabalhará os glúteos e a parte de trás das coxas e é conhecido como “Ponte Unilateral”. É feito com a ajuda da fit ball e do colchonete. Deite-se de costas sobre o colchonete e com as pernas e braços esticados. Dobre uma das pernas formando um ângulo de 90º e apóie o pé na bola enquanto a outra perna é esticada para cima. Em seguida, levante os quadris o máximo que puder e retorne à posição inicial lentamente. Repita esse exercício em 3 séries de 12 movimentos com cada perna.

Treinamento Funcional - Suspensão

A “Rosca Inclinada” é o próximo movimento. Você necessitará apenas do TRX preso à uma parede a uma altura meio metro maior que a sua.  Com o corpo reto, segure as empunhaduras do TRX. Depois, vá soltando o corpo para trás até que os seus braços fiquem totalmente retos. Puxe as empunhaduras contra os seus ombros, dobrando os braços e puxando o corpo para a frente até formar um ângulo reto. Faça 3 séries de 12 movimentos em intervalos de 45 segundos entre elas.

E para ficar com aquela barriga tanquinho e os músculos do “tchauzinho” durinhos, faça o “Abdominal com Elevação de Braços”. Pegue o colchonete e a Medicine Ball para fazê-lo. Deite-se no colchonete de costas, segure a bola com ambas as mãos, os braços esticados para cima e fique com as pernas dobradas. Vá levantando os braços para cima, sempre mantendo-os retos, até formar um ângulo de 45º enquanto as suas costas se soltam do colchonete na mesma velocidade e ângulo. São necessárias 3 sessões de 12 exercícios para ficar linda!

Com o treinamento funcional de 3 a 4 vezes por semana com 1 hora cada e uma dieta balanceada, você verá os resultados surgirem rapidamente. Seus movimentos serão mais rápidos, ágeis e equilibrados e o seu corpo ficará enxuto como nunca.

Faça o treino funcional em casa seguindo estas dicas:

Aline Silveira

Autora

Aline Silveira dedicou sua vida a pesquisar sobre saúde e bem estar e conquistou seu manequim 36 após lidar com depressão e atingir o manequim 44.



3 comentários

  1. jacilda

    ja fiz e adorei

  2. bruna

    eu odiei,fiquei toda dolorida!!!!

  3. carlos

    eu adorei,fiquei todo definido,amo ginastica funcional!!!

Comente!




*Campos obrigatórios