Dicas Cientificamente Comprovadas Para Emagrecer

Apear de cada indivíduo possuir as suas particularidades na hora de perder peso, há alguns fatores comuns a todos os seres humanos.

Artigo publicado por Aline Silveira nas categorias: Dietas

Esse é o tipo de assunto que gera muita dúvida, pois nem sempre o que funciona com uma pessoa, funciona com outra. Isso se deve às particularidades de cada um, os fatores físicos, químicos e biológicos de cada pessoa determinam se ela é mais gorda, magra, com ou sem saúde etc. Mas existem sim algumas situações que podem facilitar a vida de todos, todos os tipos de estruturas e funcionamento das atividades corporais, e foi por isso que elencamos algumas dicas que cientificamente vêm demonstrando bons resultados quando o assunto é diminuir o peso em busca de uma saúde mais equilibrada.

Dicas-Cientificamente-Comprovadas-Para-Emagrecer.j

Sono

Dormir bem ajuda a emagrecer. Estudos comprovaram que dormir mais de 5 horas aumenta em 5% a capacidade do corpo queimar calorias estocadas. Ideal é dormir 8 horas. Agora se dorme pouco, é preciso que mude esse hábito. Se tens dificuldade para dormir, procure ajuda médica, pois o sono não só ajuda no peso mas em quase tudo nas nossas vidas. Esses estudos foram comprovados pela Universidade do Texas nos Estados Unidos.

Para melhorar o sono, caso tenha problemas para dormir, cientistas canadenses afirmam que você deve diminuir toda luz e barulho, se possível, pois assim, sem luz, a produção de melatonina, o hormônio do sono, se torna mais eficaz.

Proteínas

São amigas das dietas. Elas ajudam emagrecer porque ajudam manter a massa magra, a robustez dos músculos, e aumentam a sensação de saciedade e são grandes aliadas contra o excesso de peso. Porém, cuidado, para não exagerar e isso requer que você se exercite e se hidrate bem, pois proteínas em excesso ocasionam outros problemas como gota e problemas renais.

Exercícios Aeróbicos

Dicas-Cientificamente-Comprovadas-Para-Emagrecer1Não só ajudam perder barriga como também salvam vidas. Segundo o Instituto Nacional de Nutrição de Tóquio, os exercícios aeróbicos afastam as chances de infarto quando feitos regularmente há bastante tempo. Se a pessoa é obesa e sedentária, é preciso começar a fazê-los com muita moderação e com acompanhamento profissional. Agora uma pessoa que pratica exercícios aeróbicos há bastante tempo, não só perde peso, mas também mantém os níveis de diabetes e colesterol controlados.

São exercícios que também fazem bem à mente, e por isso a recomendação é andar, correr, nadar, andar de bicicleta e dançar vão te fazer muito bem.

Água

Segundo cientistas de Humboldt e da Universidade de Berlin, consumir 500 ml de água por hora, aumentam em 30% a capacidade de queimar calorias. Beber bastante água, conforme recomendam, acelera bastante o metabolismo. O próprio ato da digestão que o corpo faz naturalmente já demanda uma queima calórica, e se você toma bastante água, você ativa o sistema digestivo com algo que nada engorda, e ainda faz o corpo trabalhar eliminando gorduras e toxinas. Então, beba no mínimo 2 litros de água por dia. Não há uma dieta sequer que não recomende bastante água. Se está gordo e não gosta de beber água, trate de aprender a gostar, para seu próprio bem.

Monitoramento de Calorias

Baixe aplicativos no seu smartphone. Controlar a ingestão de alimentos e mapear o que eles proporcionam em fatores nutricionais ajudam muito. Existem aplicativos com essa função. Quanto mais você controla, mais pode uma hora ou outra comer um pouco a mais sem se culpar.

Aline Silveira

Autora

Aline Silveira dedicou sua vida a pesquisar sobre saúde e bem estar e conquistou seu manequim 36 após lidar com depressão e atingir o manequim 44.






Comente!




*Campos obrigatórios